domingo, 29 de janeiro de 2012

Simbolos na comunicação

Amigos

Confesso que eu nunca fui um excelente aluno na escola. Era, aliás, sou hiperativo e por isso era difícil eu prestar atenção na aula. Na faculdade eu era mais “nerd”, na pós, Bootcamp e FGV então nem se fala, mas enfim, esse artigo não é para falar de mim, e sim sobre símbolos.

Puxei o link de história por um simples motivo, para lembrar que nós, seres humanos, nos comunicamos por símbolos desde a idade da pedra. E vamos continuar por muito tempo, entretanto, a comunicação vai mudando, vai evoluindo, mesmo que usemos apenas símbolos para contar algo.

Veja a imagem a seguir:

Essa imagem mostra como os antigos contavam suas histórias. Símbolos! Usavam desenhos para contar uma história, expor uma opinião, para passar uma mensagem.

Acredito que todo mundo já tenha visto essa imagem em alguma aula de história, correto? Mas o que isso tem a ver com os dias atuais? Muita coisa, pois alguns estudos mostram que o que nossos antepassados aprenderam, entrou em nosso cotidiano e por isso, nós nos acostumamos também; bom, estou sendo bem simplista nessa definição, mas me fiz entender.

E essa roupa?

Mostra o que chamamos de “wanna be” ou seja, o eu quero ser. Emporio Armani é uma marca de luxo. Marcas de luxo trazem o glamour, trazem o “quero mostrar quem sou e porque vim”. O simples logo da marca, mundialmente conhecido, já mostra o que a pessoa que está usando é ou quer ser.

Claro que para conhecer uma pessoa, nós temos que conversar, entender e ouvir. Isso vale para nós, profissionais de planejamento estratégico digital, que trabalhamos e devemos entender pessoas! Não se conhece uma pessoa sem falar com ela, mas essa imagem é uma expressão dessa pessoa para uma multidão a qual ela não pode falar com todos, mas expõe o que é ou (mais uma vez) quer ser.

E como pode evoluir essa comunicação?

Ok, chegamos ao mundo digital. Não falamos mais com as pessoas, mandamos uma “carinha” (emoticon), para dizer “oi”, “estou bem”, “saudades” entre outras palavras. Símbolos.

Não sou nenhum estudioso de simbologia e acredito que os especialistas possam ter mais dados e pesquisas do que eu, ter até mais artigos bem escritos, mas o que vale aqui nesse é a reflexão sobre como nós nos comunicamos por meio de símbolos e como eles são importantes para conversarmos com a multidão.

Nem vou entrar no mérito das marcas, onde ao ver de longe um “M” amarelo, já sentimos fome, mas vale a reflexão, ainda mais depois de ver na rua (essa foi a inspiração desse artigo) duas pessoas conversando na rua e andando. Uma chegou na porta do seu trabalho e a outra continuou andando. A que estava na porta do trabalho gritou para a outra para que elas continuassem com a história, ao invés do tradicional balançar dos dedos imitando um telefone, ela fez um sinal imitando a digitação. Sinal dos tempos...

Já está a venda o meu curso de PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DIGITAL em parceria com o Portal iMasters. Em 3 meses, mais de 100 pessoas já estão fazendo o curso!!! Clique aqui e compre já o seu.

Abraços
Felipe Morais
@plannerfelipe

Marcadores: , , , , , ,

1 Comentários:

Às 15 de março de 2012 14:00 , Anonymous ACT VOZ disse...

Muito interessante este assunto. Obrigada pela contribuição, já publicamos em nossa fun page.
Segue, inclusive, para aqueles que curtem assuntos relativos à Comunicação!
http://www.facebook.com/ACTVOZ?sk=wall

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial