segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Digital Reboot - Uma aula de Planejamento Digital

Amigos.

Sei que faz tempo que não escrevo aqui, mas a vida tem sido corrida demais e estou me dedicando bastante ao novo livro de Planejamento Estratégico Digital, que essa semana finalizo tudo para que a Editora Saraiva "coloque no forno".

Pois bem, nesse 20/10/2014, estive na ESPM, escola referência em comunicação e marketing no país aprendendo um pouco mais sobre planejamento digital. 

Para quem pergunta: "mas Felipe, você tem livro, dá aula e trabalha com isso desde 2005, o que mais vai aprender" já digo que planejamento é inquieto e tem que ter a mente sempre aberta a aprender. 

Quando você vê um cara como Fabiano Coura, VP de Estratégias Digitais da R/GA, agência multinacional de comunicação se dispondo a passar seus conhecimentos, vale a pena ir no curso e aprender, afinal, mentes inquietas aprendem sempre. Tenho levado a sério os ensinamentos do meu mestre Roberto Shinyashiki quando ele fala sobre a nossa mente ser um aquário, quando o aquário se enche de peixes, o que fazemos? Aumentamos o aquário e nossa mente tem que ser assim.

Conheci o Fabiano em 2008, na época em que trabalhei na Neogama e ele era diretor da Insula, agência No-Media da NeogamaBBH, em 2009, após o lançamento do meu livro, ele acabou me chamando para uma entrevista, não deu certo, mas mantive o contato. Já fui a outras palestras suas na ESPM no Top de Planejamento. Sempre coisas interessantes.

Bom, devidas apresentações feitas, abaixo - como de costume - seguem as anotações que fiz durante a sua aula, um verdadeiro aprendizado sobre planejamento:

  • O digital não serve apenas para apoiar campanha e sim gerar valor as marcas
  • Cliente desesperado para fazer algo tem aos montes, mas o desafio é fazer algo diferenciado e não qualquer coisa
  • Futurevision é um estudo da R/GA para entender as tendências que acontecem hoje e como podem ser usadas no mercado
  • Os clientes tem muito mais problema de negócio do que de comunicação
  • Uma agencia tem que fazer o negocio do cliente crescer, criar valor para o negócio, fazendo uma conexão entre marca e consumidor
  • É preciso a vender mais otimizado a verba do cliente
  • Mídia programática. Nos EUA, TV está vendendo mídia programática, isso não é futuro, é realidade. Não se compra mais mídia como antes, hoje se compra mídia por comportamento
  • Agências tem o poder de ideias inovadoras e transformadoras. O valor da agência é uma palavra simples: ideia!
  • Está na hora de pensar além do básico, pensar no business como um todo. O Guia Michelin, em 1900, foi um dos primeiros casos. A Michelin, vendendo produto commodities, estimulou que as pessoas usassem mais o carro, gastassem mais pneu e com isso precisassem comprar mais pneu, talvez não comprassem da marca, mas o relacionamento sentimental da marca com o consumidor era mais forte do que qualquer outra marca que apenas vendia pneu, um produto que as pessoas não gostam de comprar, compram pela necessidade
  • Não se antecipar as tendências pode quebrar empresa. Em 2002, a Blockbuster poderia ter comprando do Netflix por 50 milhões de dólares, em 2010 o Google ofereceu 18 bilhões de dólares pela Netflix e a Blockbouster quebrou
  • Hoje vender mais é usar: Tecnologia e Inovação juntos
    • WhatsApp em poucos anos se tornou um negócio de 18 bilhões de dólares
  • Fone beats. Guerrilha em Londres 2012. R/GA entregando fones para os atletas com a bandeira do país. O atleta, jovem, ganhando um produto, gostou e usou. O fone se tornou rapidamente parte do uniforme oficial. Um fone de 400 dólares foi o mais vendido nos EUA naquele ano. Lançamento de um aplicativo de musica para concorrer com o Spotfy. Em 2014, por 3,1 bilhões a Apple comprou a marca, sendo a 1ª marca que a Apple comprou na sua história
  • Planejamento é inquieto
  • Dica do Fabiano é ver o vídeo secreto da Apple quando Steve Jobs voltou ao comando - vídeo
  • Integração funcional: Mix de serviço e produto. Apple é o grande exemplo: Mac – iTunes – iPod  MusicStore (quebrou o CD, pessoas comprando uma musica e não o CD)
  • iPhone. Para ouvir música no iPod é preciso ter o iTunes e para ouvir no iTunes é preciso ter um Mac. Incorpora a marca na vida no consumidor.
  • UX na R/GA é o profissional melhor remunerado na empresa (meu grande amigo e parceiro Euripedes Magalhães vai gostar dessa...)
  • Ecossistema é retenção e logicamente mais dinheiro para a empresa na recompra, pois o consumidor se torna além de fã, se torna fiel a marca e tudo o que a marca lançar, terá fãs que vão comprar
  • Maior valor da Amazon hoje é informação, “data”
  • Marcas criando estímulos para que as pessoas possam gerar dados para elas
    • 99Taxi, iTunes, Pulseira da Nike, Amazon Prime
    • Cada vez mais, as marcas sabendo o dia a dia das pessoas e como será possível impactar o no marketing one to one
  • iPhone quer que as pessoas comprem aparelhos com mais capacidade para encher ainda mais de coisas: fotos, vídeos, apps, games...
  • Crie crises de oportunidade ou ameaça para as marcas repensarem seus negócios. Planejamento é repensar business, é transformar empresas
  • As grandes ações de comunicação são plataformas de relacionamento das pessoas e marcas
    • Por que a empresa existe e o que ela quer ser?
      • Isso é algo dificilmente questionado
      • Qual DNA? 
      • Qual jeito de fazer negócio?

Opinião Felipe sobre a aula: 
Fabiano conseguiu provocar a mente inquieta dos planejadores da sala, ao menos, foi a minha sensação, o que mais destaco no curso foi a visão da R/GA em não ser apenas uma agência de comunicação, ser uma agência de negócios, onde a agência ajuda a melhorar o negócio do cliente, tal qual Fabiano disse no começo do curso: "cliente não tem mais problema de comunicação e sim de negócio" e mostrou como a R/GA resolve. 

O exemplo bem interessante, foi o TIM Beta, projeto desenvolvido pela R/GA para a TIM que elevou, através de game e interação, na busca do capital social do jovem, as vendas de chips da TIM e com isso elevou o gasto dos jovens com a marca, não foi apenas uma comunicação e sim um novo modelo de negócio.

Já estão a venda meus curso, em parceria com os portais iMasters e Ecommerce Brasil:
ESTRATÉGIAS DIGITAIS PARA E-COMMERCE

Alguns livros indicados pelo professor...


















Abraços e sucesso a todos
Felipe Morais
@plannerfelipe 

1 Comentários:

Às 28 de outubro de 2014 07:28 , Anonymous Anônimo disse...

Uau quanto conteúdo bacana!
Tive um primeiro contato com seus conhecimentos ontem numa entrevista do Conrado Adolpho,Que orgulho em saber que no Brasil tem pessoas competentes como você,Obrigado.

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial