segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Nunca deixe de tentar

Amigos.

Após alguns meses sem postar nada aqui, resolvi voltar com tudo.
Recentemente li um dos livros de Michael Jordan, para mim, um dos maiores nomes do esporte mundial e um grande ídolo. Segue um resumo do seu livro:

Nunca deixe de tentar – Michael Jordan

Michael Jordan, é um grande exemplo profissional. 3º maior cestinha do basquete norte americano, NBA, com 32.292 pontos, recorde com 63 pontos em um único jogo, maior média de pontos da história da NBa, com 30,1 pontos/jogo, 6 títulos da NBA pelo Chicago Bulls, 2 medalhas olímpicas pela seleção americana de basquete, 5 vezes eleito o melhor jogador da temporada da NBA. Todos esses números o colocam como o maior e mais completo jogador da história do basquete norte-americano e por que não dizer, mundial. Jordan está para o basquete, como Pelé para o futebol. E qual o seu segredo? NUNCA DEIXOU DE TENTAR!

Seu segredo, pode ser dividido em algumas etapas:

META: “um passo de cada vez. Não consigo imaginar nenhuma outra maneira de realizar algo” – Michael Jordan. 
No começo da carreira muitos diziam que ele não chegaria ao nível exigido pela NBA. Jordan não quis ser campeão no 1º ano, ele quis fazer o melhor que pudesse fazer. Fixou metas de curto prazo e foi caminhando passo-a-passo para realizar cada uma delas. Ele sabia onde queria chegar, por isso mantinha o foco! O segredo da meta é o foco!

MEDO: “o medo é uma ilusão”- Michael Jordan.
Michael entende porque o medo paralisa, pois influenciado por companheiros ou colegas, as pessoas tem medo de arriscar, ficam pensando em todas as consequências e isso gera resultados negativos. Para conseguir algo, é preciso ser agressivo e não ter medo de errar, não se consegue nada com uma atitude passiva. Nada atrapalha o seu caminho, apenas você não enxerga uma oportunidade nisso. Se você tem certeza daquilo, acredite. Esqueça o resultado, pois você sabe que está fazendo a coisa certa. Se errar, aceite a derrota, pois todos nós falhamos em alguma coisa, aceite a derrota, mas jamais aceite o não tentar.

COMPROMETIMENTO: “não existem atalhos”- Michael Jordan
Se comprometa com metas, tome a sua decisão e vá em frente. Jamais se empenhe em algo pela metade, se empenha 100%, ou os resultados virão pela metade. Pessoas que fracassam possuem um bom discurso, mas na hora de executar arrumam desculpas ao invés de respostas. Comprometimento significa assumir responsabilidades. Jordan conta sobre seu 2º ano na Universidade, onde conseguiu tantos bons resultados que se acomodou. Porém as expectativas sobre ele aumentaram, as responsabilidades também. E ele saiu do caminho. Jordan analisou seu jogo, viu seus pontos fracos e atacou esses. Foi fiel a seus planos. Muitos vão nos rebaixar a seus níveis por não conseguirem realizar certas coisas.

TRABALHO EM EQUIPE: “o talento ganha jogos, mas o trabalho em equipe e inteligência, vencem campeonatos”- Michael Jordan

Do que adianta o grande executivo ter as grandes ideias se não tem equipe para executar cada uma delas? Treinadores e gerentes tem um papel em comum: descobrir como colocar talentos individuais a serviço da empresa. É preciso conhecer as habilidades, responsabilidades, pontos fortes e fracos de cada um da equipe. Existe uma tendência natural de não considerar todas as partes que fazem com que o conjunto funcione. Pequenas ações ou entender o ritmo de cada um da equipe, em muitos casos, podem fazer a grande diferença. Os resultados individuais só vem se a equipe corresponder. O talento é importante, mas a garra é ainda mais.

FUNDAMENTOS: “no instante em que você se afasta dos fundamentos, tudo pode ir por água abaixo” – Michael Jordan
Tudo o que Jordan conquistou na NBA se deve ao fato de como ele lidou com a técnica e aplicou as suas habilidades, são os pilares que fazem tudo funcionar. Cada um tem um talento especial, cada um tem uma maneira de ser e agir. Não ignore os fundamentos, os aprimore. Alguém que decora um livro para uma prova pode ter o dom de decorar, mas aprendeu? Dedique atenção ao que sabe menos, aprimore o que saiba mais.

LIDERANÇA “sem o respaldo do desempenho e do trabalho duro, as palavras não significam nada” – Michael Jordan
Jordan sempre tentou liderar pessoas pelo exemplo, mais do que por palavras. Ações valem mais do que palavras. Ninguém se torna líder porque é o melhor do time, mais inteligente ou popular. O líder conquista o respeito de quem está próximo. As pessoas precisam saber o que esperar de você e você tem que ter um desempenho constate de que jamais vai decepcionar. Líder não procura desculpas, encontra soluções. É preciso ter visão, antecipar o futuro, guiar a equipe pelo caminho, caminho que o líder sustenta o que acredita, suas convicções devem ser respeitadas.

Se quiser saber mais sobre o livro, o preço mais barato (segundo o Buscapé) é na Americanas.com

Abraços
Felipe Morais
@plannerfelipe

1 Comentários:

Às 13 de dezembro de 2013 06:11 , Blogger Felipe Spina disse...

Muito bom esse texto e reflexão, Felipe!
Grande abraço

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial