segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Herois: Brasil X Estados Unidos

Amigos.

O post de hoje é um desabafo, uma reflexão sobre o nivel cultural (ou falta de) do povo brasileiro; como planner tenho que estudar o comportamento humano e entender cada pessoa como uma pessoa, uma história, uma maneira de pensar, entretanto estudar e entender não significa concordar.

Pela "excelente qualidade" da TV Brasileira, pelo seu "altíssimo" conteúdo interessante, eu raramente assisto a TV, continuo migrando meu tempo livre a andar, ler e navegar na Internet, até o Tetris que eu baixei no iPhone está mais interessante do que a TV, mas ontem, com um casal de amigos em casa fui "obrigado" a assistir TV, afinal, esse aparelho fica ligado na sala de estar da grande maioria dos lares brasileiros, mesmo que fique ligada sem que ninguém efetivamente fique prestando atenção, é inevitável que durante qualquer assunto alguém o corte para comentar o que está passando na TV, seja uma propaganda, os Gols do domingo, uma matéria...

Assistindo o Domingo Espetacular (RedeRecord) ontem, reparei o quanto nós brasileiros ainda estamos culturalmente atrasados em relação aos Estados Unidos, e confesso ter ficado assustado.

No mesmo programa, pude pela 1a vez assistir a matéria sobre uma mulher bêbada que caiu nos trilhos do metrô no Estado de Massachusettes. As pessoas que estavam na plataforma, perceberam o ocorrido e sairam correndo para perto da moça, pedindo desesperadamente para que a maquinista parasse o metrô.

A maquinista, a jovem Charice Lewis de 27 anos, teve apenas 5 metros para parar 7 vagões que pesam cerca de 200 toneladas (juntos) a uma velocidade de 40km por hora. Eu nunca fui muito bom em física, dá para perceber a missão que essa maquinista teve. E ela conseguiu. Parou o trem a menos de 1 metro da mulher bêbada que levantou sem nenhum arranhão.

Lewis virou heroína nos Estados Unidos. Saiu no jornal, está dando entrevistas em diversos programas de TV, virou capa de algumas revistas; aliás, não só ela, mas todas as pessoas que estavam naquela plataforma são heróis, salvaram uma vida!
Reconhecimento semelhante ao do piloto Chesley Sullenberger II, que em 15 de Janeiro desse ano conseguiu pousar uma aeronave no Rio Hudson em Nova York salvando a vida de todos os passageiros, com o detalhe, de não afetar nada da aeronave nem ao seu redor. Um exemplo de piloto. Chesley lançou sua biografia que está sendo um grande sucesso de vendas nos Estados Unidos.

E porque o Brasil está bem, mas bem atrás dos EUA em cultura?

Porque no Brasil, uma adolescente vai a uma Universidade usando uma mini-saia e vira celebridade!!!! Sai na capa de jornal, matéria exclusiva no Fantástico, SuperPop, Record, vira alvo de Playboy, Sexy e ainda é capaz de ganhar um programa de TV; o Fantástico ontem levou essa aluna a um Shopping de São Paulo, milhares de pessoas tirando foto com ela, como se ela fosse a Madonna (que aliás esteve no Brasil semana passada, mas a aluna da Uniban ocupou as manchetes dos jornais, e a mega-star não teve muito espaço), muita gente tirando foto, pedindo autógrafo, isso mesmo... a reporter Renata Ceribelli (TV Globo) perguntou a uma das pessoas o porque ele queria uma foto com a aluna e a pessoa disse: "Ué, porque agora ela é famosa, é celebridade"... Celebridade??? O que virou então um Tony Ramos, Lima Duarte, José Mayer... sim, somos o povo que cultivamos quem aparece na TV, que cultivamos ex-BBB, "Sabrinas Satos" da vida, cultivamos uma figura que fala "Ronaldo" e vira mega-celebridade...

Será que estamos indo no runo certo?

Cada vez mais o ensino no Brasil está de péssima qualidade (há sim uma minoria de escolas expetaculares, mas para poucos, infelizmente), a TV está educando as crianças de hoje e essa educação vem de Geyse Arruda, Sabrina Sato, Luciana Gimenez, Sônia Abrãao, Zina, Pânico na TV, Gugu Liberato.... imagina quantas meninas de cabeça fraca não estão pensando em fazer a mesma coisa que Geyse para ganhar essa aparição na mídia. Não cabe aqui julgá-la mesmo porque eu nunca a vi, mas que ela conseguiu seus (mais) de 15 minutos de fama conseguiu!

Meu Deus!!!
É por isso que os EUA são a maior potencia do mundo e o Brasil é um eterno país emergente... a cultura do povo conta, e muito, para a construção de uma nação. Eu nem acho que os EUA é o país mais evoluído culturalmente no mundo, são arrogantes e tudo mais, porém, esse meu relato/desabafo mostra que mesmo com todos os defeitos ainda temos muito que aprender com eles.

Está na hora de repensarmos o que queremos para o nosso futuro, pois tenho tido contato com diversos adolescentes e confesso que isso está me dando medo...

Já está a venda o meu livro PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DIGITAL pela Ed (Brasport). Adquira já o seu.

Participe da 1a rede para Planners Digitais do Brasil - pedigital.ning.com

Abraços
Felipe Morais
twitter.com/plannerfelipe

Marcadores: , , , , , ,

1 Comentários:

Às 17 de novembro de 2009 10:07 , Anonymous Mauricio R. Gouvea disse...

Felipe,

Isso tem uma explicação muito simples: EDUCAÇÃO

Ou melhor, a falta dela.

abraços

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial