quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Social Commerce evoluindo

Amigos.

O Magazine Luiza é uma empresa que precisamos analisar de perto. O seu modelo de gestão se mostra altamente eficiente e quando falamos de e-commerce, a empresa sempre aparece como um grande benchmark, afinal, não é de hoje que a empresa figura entre os TOP 5 das lojas virtuais em termos de faturamento. E olha, que essa avaliação é de quem está de fora.

Em mais de 50 anos de história, Magazine Luiza é um grande case no mundo virtual, pois ao contrário de muitas empresas que cresceram fisicamente e foram para o mundo virtual quando o e-commerce começou a crescer no Brasil, Magazine Luiza fez o caminho inverso e depois de ter crescido no e-commerce foi para o mundo físico, inclusive, abrindo 50 lojas no mesmo dia. Em 2011 as vendas pela loja virtual cresceram em 50%.

Se inovação é a palavra da moda, Magazine Luiza, entrou nessa onda. Depois de inovar ao inaugurar 50 lojas no mesmo dia, Magazine vai afundo no Social Commerce, um termo que tem crescido nos últimos meses, quando muitos acham que o Social Commerce acha que é só colocar uma Fan Page da sua marca em uma Rede Social, o Magazine Luiza “esqueceu” um pouco do Commerce e pensou no Social, na socialização de produtos. Isso é social commerce.

Magazine Luiza está unindo não apenas o comércio online as Redes Sociais a outros projetos que já deram muito certo há tempos, como o Mercado Livre e programas de afiliados que tem em seu conceito algo simples: pessoas vendendo produtos para sua rede de amigos. Venda social, Social Commerce. E é isso que o Magazine Luiza fará agora em seu site, aliás, vai abrir para o mercado. Sendo simplista é um programa de afiliados nas Redes Sociais, o que mostra que inovação nem sempre precisa ser uma mega ultra super idéia. Idéias simples, que resolvem problemas das pessoas e que nunca foram feitas também é inovação. Nem só a Apple inova...

“Magazine você” esse é o nome do novo conceito. As pessoas ganharam de 2,5 a 4,5% por venda de produtos a seus amigos em Redes Sociais, mas o projeto não consiste apenas em colocar a loja do Magazine Luiza no perfil do usuário, ele pode customizar o nome da loja com o seu, mais um item da socialização a customização.

Entretanto, para que o projeto dê certo, o Magazine Luiza não vai abrir do dia para a noite isso ao grande público. Após um ano de planejamento, pesquisas e testes, no final de Agosto apenas os funcionários e familiares da empresa poderão usar esse novo modelo de negócios. Quando 10 mil lojas estiverem abertas, o Magazine Luiza vai abrir ao grande público.

O aplicativo da Magazine Luiza foi desenvolvido em parceria com o Google e Facebook, o que foi muito interessante, dessa forma os aplicativos tem menos chances de dar algum erro na plataforma, além de ter agilizado, com certeza, o processo. Até mesmo um canal de atendimento específico para a área o aplicativo vai ter, outro ponto para o Magazine Luiza, uma vez que o atendimento é algo essencial para o sucesso de qualquer e-commerce, ainda mais para grandes lojas virtuais.

A meta do Magazine Luiza é ousada. Em 9 meses atingir 1 milhão de novos consumidores que vão ser impactados por seus amigos através de interesses comuns, mas quando se fala de uma empresa que abriu 50 lojas em um único dia, essa meta não chega a ser impossível!


O único livro que abora o tema Planejamento Estratégico Digital no Brasil. Clique aqui e compre o seu!



Marcadores: , , , , ,

1 Comentários:

Às 24 de agosto de 2011 08:52 , Blogger Juca, o cão filósofo disse...

Esta tendência de utilizar as redes sociais de cada indivíduo para oferecer conteúdo das mais diversas naturezas,seja o resultado de uma busca, seja sugestões de produtos e serviços, me parece cada vez mais irreversível. Com uma penetração cada vez maior, as diversas redes sociais tem conectado (e interconectado) cada vez mais pessoas, tornando possível estabelecer, com um certo grau de precisão (especialmente porque são informações prestadas pelos próprios usuários), os grupos e círculos de relacionamento e influência de cada indivíduo. O processo de refinamento destas informações e de mapeamento destas relações segue firme e forte, e esta iniciativa do MagazineLuiza só vem pra confirmar esta previsão. Afinal, quem sabe o que é mais relevante pra você do que as pessoas que integram os seus círculos mais próximos?

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial